terça-feira, abril 14




O que é a Bíblia



A palavra "Bíblia" vem do grego "biblos", que era o nome dado às folhas prensadas do papiro (três mil anos antes de Cristo os egípcios já escreviam no papiro, uma grande planta própria das margens alagadiças do rio Nilo, seu caniço comprido era aberto em tiras, as quais eram prensadas enquanto ainda estavam úmidas e assim formavam uma folha. Tais folhas eram escritas em um só lado e depois guardadas em rolos).Biblos significa "livro" e o plural em grego é "biblia". Portanto, "Bíblia" quer dizer "livros" ou "coleção de livros". Segundo o Concílio Vaticano I:
"A Bíblia é a coleção de Livros Sagrados que escritos sob a inspiração do Espírito Santo, tem a Deus como Autor."


Quem escreveu a Bíblia
Deus quis se servir de homens que Ele foi escolhendo ao longo da história da salvação para escrever aquilo que Ele queria que fosse escrito. Estes homens chamam-se escritores sagrados ou hagiógrafos. Todos os livros da Bíblia são inspirados por Deus.Os escritores sagrados foram muitos (mais de 50), às vezes com um intervalo de centenas de anos de um para o outro. Porém, em todos eles, era Deus quem os inspirava a escrever somente e exclusivamente o que Ele queria. Distinguimos na Sagrada Escritura dois autores: um primeiro e principal, autor da idéia, que é Deus e outro secundário, que põe por escrito a idéia inspirada por Deus.



Quanto tempo a Bíblia levou para ser escrita



Os primeiros escritos datam do século XII a.C. e só foram concluídos no final do século I d.C. Portanto, foram quatorze séculos o período em que foi escrita a Bíblia.
Onde foi escrita a Bíblia
O Antigo Testamento foi escrito na Palestina, na Babilônia e no Egito.O Novo Testamento na Palestina, na Síria, na Ásia Menor, Grécia e Itália.
Em que línguas em que foi escrita a Bíblia
Todo o Antigo Testamento foi escrito em hebraico, menos o Livro da Sabedoria, os dois de Macabeus e trechos de Daniel e de Ester, que foram escritos em grego.O Novo Testamento foi todo escrito em grego, menos o Evangelho de Mateus, que foi escrito em aramaico.





Divisão da Bíblia
A Bíblia se divide em 2 grandes partes ou dois grandes grupos de livros: os escritos antes do nascimento de Cristo e os escritos depois.
Os escritos antes, que são 46 livros, formam o Antigo Testamento, os escrito depois, 27 livros, constituem o Novo Testamento.No Antigo encontramos a promessa de salvação e a Aliança de Deus com seu povo.No Novo, a realização da promessa no Sacrifício e no Sangue de Jesus Cristo.Os livros Sagrados, tanto no Antigo como no Novo Testamento, são agrupados segundo o assunto de que tratam em:
Pentateuco = 5 primeiros livros (de Gênesis a Deuteronômio)
Livros Históricos = 16 livros (de Josué a II Macabeus)
Livros Sapienciais = 7 livros (de Jó a Eclesiástico)
Livros Proféticos = 18 livros (de Isaías a Malaquias)
Evangelho e Atos dos Apóstolos = 5 livros (de Mateus a Atos dos Apóstolos)
Cartas Apostólicas e Apocalipse = 22 livros (de Romanos a Apocalipse)
Ainda mais, cada livro está dividido em capítulos e cada capítulo em versículos. Por volta do ano 1200 d.C. o cardeal Estevão Langton dividiu os livros da Bíblia em capítulos e o Frade Santo Pagnino em 1500 d.C. aproximadamente, fez a divisão dos capítulos em versículos.
É importante perceber que a Bíblia chegou até nós da maneira que a temos graças à Igreja Católica.






Unidade da Bíblia


Apesar dos diversos livros, dos muitos escritores humanos e da distância de tempo entre eles, há na Bíblia uma maravilhosa unidade: no Antigo Testamento (AT) é anunciado o Messias, o Filho de Deus que devia vir salvar a humanidade. No Novo Testamento (NT) é narrada a história e a doutrina do Salvador e da sua Igreja nascente. Portanto a mensagem, o assunto central da Bíblia é Jesus Cristo.Como a Bíblia chegou até nósOs livros do AT, escritos pelos hebreus antes do nascimento de Jesus Cristo, foram conservados e transmitidos pelas Sinagogas Judaicas que cuidavam de reproduzi-los a mão em pergaminhos (couro de carneiro curtido e devidamente preparado para nele se escrever).


Os livros do NT nasceram nas primeiras comunidades cristãs e foram transmitidos e conservados pela Igreja Católica, fundada por Jesus Cristo e encarregada de levar a Divina Palavra até o fim do mundo, conforme a história testemunha.Como ler a BíbliaO Concílio Vaticano II nos diz:
“A Igreja exorta com veemência e de modo particular a todos os fiéis cristãos... a que pela freqüente leitura das divinas Escrituras aprendam a eminente ciência de Jesus Cristo.
Portanto ignorar as Escrituras é ignorar a Cristo”.
Dei Verbum 25
A Bíblia que deve ser lida pelos católicos é a da Igreja Católica com notas e explicações. Ela deve ser lida com o mesmo Espírito com que foi escrita, isto é, com humildade, confiança, amor, com retidão de intenção e piedade, abrindo a nossa alma às inspirações do Espírito Santo de Deus.Ainda mais, seguindo o conselho de St. Agostinho, devemos ler primeiro o Novo Testamento, porque, como o Santo Doutor declara, no AT está escondido o NT e no Novo se revela o Antigo.
"A leitura da Sagrada Escritura deve ser acompanhada pela oração, a fim de que se estabeleça um diálogo entre Deus e o homem. Pois com Ele falamos quando rezamos, a Ele ouvimos quando lemos os Divinos Oráculos".
Santo Ambrósio
Quem pode interpretar a Bíblia


A Bíblia é a Palavra de Deus, é Deus falando conosco, sua leitura exige muito respeito, humildade e prudência.Não há dúvida de que a interpretação e explicação das Sagradas Escrituras pertence à Igreja de Cristo, que é a Católica. Assim, o Vaticano II afirma:
“Com efeito, tudo quanto diz respeito à interpretação da Sagrada Escritura está sujeito ao juízo último da Igreja, quem tem o divino mandato e ministério de guardar e interpretar a Palavra de Deus”
Dei Verbum 12
Jesus entregou sua mensagem à Igreja e a ela compete a reta interpretação da Bíblia:
“Jesus aproximou-se dos seus apóstolos e falou: ‘Foi-me dado o poder no céu e na terra. Ide, pois, ensinai a todas as gentes... Eis que estou convosco todos os dias até o fim do mundo’”. (Mateus 28, 16-20; Marcos 16, 14-16)“Disse Jesus aos seus discípulos: ‘Quem vos ouve, a mim ouve, e quem vos rejeita, a mim é que rejeita’”. (Lucas 10, 16)
Leia também 2 Pedro 3,15-16; Mateus 12, 23-29; Atos 8, 30-35; 2 Coríntios 10, 4-5

2 comentários:

assembleiabelem disse...

Conheça nosso site, mensagens, videos, radios, forum, temas, livros gratis, PPs, Downloads, Papeis de Parede, blog, e temas importante da atualizade, Diversos Estudos, ..

http://www.assembleiabelem.br22.com

Anônimo disse...

Jeremias


2.27 Passarão vergonha todos aqueles que dizem a um pedaço de madeira: “Você é o meu pai”, e a uma pedra: “Você é a minha mãe”. Isso vai acontecer porque vocês me viraram as costas, em vez de virarem o rosto para o meu lado. No entanto, quando estão em dificuldades, vocês vêm me pedir que os salve.

Maria